03 fevereiro 2014

Valor nas coisas bobas

"Coisas mudarão" | ps: só coloquei porque amei a imagem
Já disse em alguma das redes sociais do Urbana que eu estou amando ler textos em blogs? O facebook e o twitter (principalmente ele) são as formas que usamos para, mais que divulgar o blog e os posts, falar da nossa vida, nossos pensamentos e impressões sobre as diversas coisas que nos rodeiam; como descarga de nossas opiniões. Que seja, se antes eu sentia preguiça imensa de ter que ficar lendo textos (confesso), hoje em dia me empolgo quando encontro um e fico mais extasiada quando o texto é bom do jeito que imaginava. E é sempre nessas redes sociais que eu exponho minha felicidade. Foi por uma das minhas andadas diárias pelos blogs de textos, que li um em que dizia que devemos viver o presente. E não é que é verdade.

Quantas vezes a vergonha e a vontade de se esconder do mundo, mesmo que seja atrás de uma amiga, não te assombrou? Comigo foi várias vezes. À minha volta, muitas pessoas são ou ficam muito eufóricas por cada coisa boba. Antes eu achava exagero, berração e algo muito forçado. (Ainda acho válido esta última coisa, pois existem muitas pessoas que fazem outras coisas por influência de terceiros ;). Agora, não. Percebo que essas pessoas gostam de aproveitar a vida e de sentir prazer pelas coisas mais simples, tão pequenas e que muitas vezes são descartáveis. Mesmo que elas não saibam ou percebam, a forma como se alegram por causa de uma nota boa na sua matéria favorita, aquele que a pessoa sempre arrebenta, a singela troca de olhar com o garoto no ônibus, o fato de ter ganho um jogo na Educação Física no colégio ou simplesmente de ter feito aquele gol, na mesma aula, aquele que achava impossível, pois era péssima no futebol; tudo isso muda seu dia e se a cada dia tudo for refeito, vai mudar sua semana, mês, ano... vida!

Eu tenho essa mesma sensibilidade. Fico muito contente quando algo simples, mas bom, acontece comigo. O único grande problema é a timidez e a vergonha de extravasar junto com as outras pessoas. Isso me trava e não permite tanta euforia. 

Portanto, aproveite o momento, o presente. Fique muito feliz se alguém disser que seu cabelo está bacana, que seu blog é legal, que amam seus textos, que concorda fielmente nas suas palavras, que pisque na rua pra você (e não se esqueça de pedir o telefone... sem medo). Faça tudo o que quiser sem se preocupar com o que outros vão dizer. Afinal, outros são apenas outros e não vivem sua vida. Aproveite-a enquanto tem tempo.


Jéssica

11 comentários:

  1. Lindo post *---*
    Devemos dar valor aos pequenos acontecimentos do nosso dia-a-dia que tornam a vida encantadora ^^
    Bijooka
    www.confienounicornio.blogspot.com <3

    ResponderExcluir
  2. eu já estou seguindo esse lema faz tempo, e esta sendo incrivel

    http://www.rayneon.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Realmente, devemos fazer aquilo que nos der vontade! Tem post novo lá no Blog, já viu? Passa lá e comenta o que achou! Beijos <3 http://gostosdeadolescentes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Que linda a mensagem desse texto! Preciso começar a colocar essas ideias em prática!

    Beijos, Julia
    http://www.sendoumahepburn.com/

    ResponderExcluir
  5. Que texto maravilhoso Jéssica, eu realmente me sinto bem assim. Fico muito feliz quando recebo elogios pelo blog, meus textos, fico imaginando várias ações felizes que eu poderia ter quando me acontece algo, mas a vergonha, o medo do que os outros vão pensar me travam muito. Esse ano to querendo trabalhar nisso, em viver minha vida sem me importar com os outros.

    foreverdezoito18.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Eu também sou um pouco tímida e não costumo compartilhar minha felicidade. Esses dias ajudei um anônimo a arrumar o texto dele, e em troca recebi um elogio que me fez ganhar o dia! Não dá para ser feliz só naquela balada do final de semana, temos que encontrar a felicidade nos pequenos detalhes da rotina.
    Adorei seu blog e obrigada pela visita ao meu ♥
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Quando pequena eu era super envergonhada...escrevia no meu diário tudo o que, para mim, era necessário. Tudo mudou a partir do dia em que leram meu diário (e eu me senti exposta)... a partir deste dia descobri que medir as palavras era questão de "preservação" também, e que você tem que medir e pensar mil vezes antes de falar ou escrever um texto, tanto na vida real quanto na internet. Hoje eu curso Publicidade e propaganda e também tenho blog, rs...acho que a timidez passa longe de mim hoje em dia ♥

    Beijocass

    ResponderExcluir
  8. Também adoro ler um bom texto, e esse aqui ficou incrível. Na epoca do orkut eu sempre participava de comunidades com textos bonitos kk saudades orkut ♥

    http://leitecombiscotos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Adorei esse texto! Estou bem nessa vibe de adorar textos nos blogs. Antes eu não tinha paciência para eles e achava que nunca acabariam, já hoje (por exemplo neste texto) acho/achei que acabou rápido. Eu começo a ler e simplesmente esqueço do mundo ao redor!

    "Aproveite-a enquanto tem tempo." Foquei nessa frase! Desde que a li, a uns trinta minutos atrás, eu fiquei pensando nela e refletindo nessas coisas que você disse e eu concordo plenamente com elas!

    Bom, adorei demais o texto!
    Abraços, O Novo Cara Igual

    ResponderExcluir
  10. Vocês escrevem muito bem, adorei o texto.

    http://blogmemoriies.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Sou uma pessoa intensa. Quando fico feliz, é uma felicidade muito grande. Mas de compensação, a tristeza também é devastadora. O stress então, nem se fala.
    Amei o texto.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Dona Urbana - 2014. Todos os direitos reservados
Criado com amor por Jéssica e Juliana Guimarães
Tecnologia do Blogger
image-logo